Connect with us
Barra

Empreendedorismo by Joe Santos

COMPETÊNCIAS PARA GERAR O SEU SUCESSO POR JOE SANTOS

Published

on

Algumas competências para que o seu sucesso aconteça e do seu negócio, isso a grande maioria sabe e já põem em prática, as vezes sem saber e outras vão sentindo a necessidade ao longo da jornada e outras ainda vão ser necessárias conforme o seu negócio vai crescendo e tomando proporções que fazem a gestão ser algo mais profissionalizante e que a leitura até dos seus resultados precisa ter competência específica e treinada.
Muita vontade de trabalhar: essa é a mais comum dentre os empresários, essa é uma competência que nasce antes de ser empresário e continua ao longo da sua trajetória, sem estar preocupado em quantas horas do dia vai ser preciso dispensar para a sua empresa.
Resiliência: essa também é exercitada diariamente, principalmente em atividades que precisam do reconhecimento do mercado, precisando resinificar a todo instante e adaptando-se a cada nova demanda, aceitar e mudar rapidamente.
Ser amigo dos números: essa competência é um pouco mais técnica e na grande maioria das vezes ou quase sempre precisamos de ajuda, mas, não é qualquer ajuda, é ajuda de especialistas, como, contadores e financeiros para deixar a empresa e o empresário tranquilos e saber que para onde estão indo é com lucro.
Ser vendedor: todos nós somos vendedores, por mais que não estejamos fazendo isso com algum produto/serviço que mantenha a empresa, somos vendedores, inclusive em casa, sempre estamos fazendo alguém concordar com a gente. Aprender a gostar de vender, com técnica e conhecimento do que está vendendo é uma competência que temos que dar atenção especial.
Gostar de gente: essa é básica e quem sabe a mais importante, justamente porque toda e qualquer empresa precisa de gente para trabalhar, para vender, para comprar e viabilizar o negócio, gostar de gente com empatia e dedicação, fazer disso um aprendizado diário, faz muito bem para o nosso sucesso.
Atenção: essa é uma competência que o empresário treina todo dia e na grande maioria das vezes nem sabe que tem e treina, sim, todo empresário é atento com tudo ao seu redor, a todo o momento ele vê alguma coisa que as outras pessoas não veem, ele é observador, não tem empresário bem-sucedido que não seja.
Poderia ser uma das competências natas do empreendedor – OBSERVADOR.
Na verdade, já nascemos empreendedores, já viemos com muitas competências “pré-instaladas”.
Essa são algumas que fazem parte dos empresários, teríamos muitas mais, que em alguns ramos de atividades são necessárias e bem específicas, que sem elas a empresa não existiria.
E tem algumas competências técnicas que as empresas prestam serviço para outras empresas, de tanta especificidade que requer. O empresário Brasileiro deve estar dentre os mais competentes do mundo, justamente porque as mudanças são rápidas, de mercado de tecnologia e de ajustes fiscais, reunir competências mínimas em cada setor, já nos faz diferenciados.

Continue Reading
Advertisement

Empreendedorismo by Joe Santos

Você está desenvolvendo as habilidades certas para o mercado atual? Descubra o caminho para buscar performance

Published

on

By

61% dos profissionais acreditam que as empresas os preparam para o futuro do trabalho, segundo pesquisa da consultoria Mercer.

Será que hoje, isso realmente acontece?

A pesquisa mostra que há enormes discrepâncias entre as competências consideradas mais importantes e as que de fato estão sendo desenvolvidas dentro das organizações.

Não é novidade para nenhum profissional, que a crise da covid-19 transformou o mundo do trabalho, assim como tudo o que nele existe, adiantando algumas tendências como o home office e acelerando o avanço da tecnologia, bem como a preocupação com a saúde mental etc.

Advertisement

A pesquisa foi realizada com mais de 7.300 pessoas em 34 países e mostrou exatamente que 61% dos colaboradores confiam em seus líderes e organizações para prepará-los para o futuro do trabalho.

34% desses profissionais acreditam que seus empregos serão substituídos em 3 anos, mas 55% confiam que sua empresa possa qualificá-lo para mantê-lo ativo no mercado.

E você, acredita que sua empresa está proporcionando o desenvolvimento das habilidades certas para o mercado atual e te preparando para o futuro do trabalho?

Se é líder, empresário, empreendedor, está contribuindo com o desenvolvimento da sua equipe fortalecendo as habilidades mais essenciais da atualidade?

No artigo de hoje, quero te trazer algumas reflexões sobre as habilidades mais essenciais no presente e ajudá-lo a refletir em que patamar de desenvolvimento você, seu time ou sua empresa se encontram.

Advertisement

1º passo: trabalhe o autoconhecimento e identifique seus gaps

Já faz tempo que empresas e organizações encontram dificuldades na hora da contratação, sendo assertivas na escolha de profissionais que vão de fato contribuir com a empresa e vice-versa.

Segundo a Page Personnel, empresa de consultoria de recrutamento, 90%profissionais são contratados pelo perfil técnico e demitidos pelo comportamental, ou seja, as contratações dos candidatos são feitas pelas capacidades técnicas e as demissões pelas emocionais, ausência das chamadas soft skills.

De nada adianta um profissional ser competente executando tarefas e criando estratégias se não for capaz de lidar com pressão, fazer a gestão de conflitos, se comunicar adequadamente etc.

Por isso, tudo começa com o autoconhecimento.

Advertisement

No início da pandemia surgiram milhares de cursos e workshops técnicos, disponíveis para quem quisesse acessar, mas, é a habilidade de conhecer a si mesmo que faz toda a diferença para alguém identificar seus pontos fracos, limitações, bem como os fortes.

Pois o autoconhecimento nos ajuda a ter consciência de quem somos, a mudar determinados comportamentos e evoluir em outros, e só depois, buscar as tão sonhadas soft skills para se manter no mercado.

2º passo: aproveite o momento

Evoluímos 12 anos em 12 meses, afirmam alguns especialistas das mais diversas áreas como tecnologia e inovação.

A quarentena trouxe malefícios, assim como benefícios, e foi uma ótima oportunidade para repensar a vida e carreira, e é exatamente o que estamos fazendo agora.

Advertisement

Algumas pessoas cruzaram os braços e estão esperando tudo isso passar para a vida voltar “ao normal”, outras, estão aproveitando cada oportunidade de desenvolvimento para evoluírem, sendo oportunistas no sentido mais positivo.

Elas, com certeza, estarão léguas à frente daqueles que estão assistindo a tudo de braços cruzados.

Meu intuito não é romantizar tudo o que vivemos e ainda estamos vivendo, sabemos bem que tivemos dias muito difíceis, tivemos que nos adaptar em muitos aspectos, mudamos processos, digitalizamos empresas, aderimos ao trabalho remoto, lideramos à distância, e alguns mais do que outros, convivendo e trabalhando em casas e apartamentos apertados com a família. Sem contar o esgotamento mental e emocional.

O que chamo à reflexão é: aqueles que souberam aproveitar o momento, se desenvolvendo, cresceram também 12 anos em 12 meses.

3º passo: busque as habilidades certas para o mercado atual

Advertisement

Se você chegou até aqui, com certeza está se perguntando, que habilidades são essas?

Quais as competências certas para o momento atual?

Sem dúvida, diversas pesquisas e estudos nos mostraram que foram e são as habilidades comportamentais e emocionais, as chamadas soft skills, que se tornaram essenciais para qualquer profissional, seja ele líder, empresário, empreendedor ou profissional liberal na atualidade.

Habilidades como:

• Orientação para resultados
• Poder de influência
• Resiliência
• Flexibilidade
• Adaptabilidade
• Autoconsciência emocional
• Gestão de conflitos
• Liderança inspiradora
• Empatia
• Inteligência Emocional

Advertisement

Continue Reading

Empreendedorismo by Joe Santos

Especialista elenca 6 hábitos que desequilibram sua energia emocional

Published

on

By

Joe Santos explica como deixar essas situações de lado para ter mais saúde emocional

Todos nós já passamos por situações que drenaram nossa energia emocional e, de uma maneira ou de outra, nos deixamos envolver.

Você sabe o que rouba sua energia? Ou que situações e pessoas andam exigindo demais de você?

Joe listou 6 situações que desequilibram sua energia emocional.

Advertisement

1- Pessoas negativas: elas são como vampiros emocionais, trazem mal-estar e sugam toda a sua energia, sempre tem histórias negativas e vivem cercadas de pessimismo. Como dizia Jim Rohn : “Você é a média das 5 pessoas que convive”.

2- Pare de remoer o passado: nossas energias são colocadas onde a atenção foca, a maioria das pessoas tem a tendência de achar que no passado as coisas eram mais fáceis. O único objetivo de visitar o passado é para processar nossas memórias emocionais, mas isso eu ensino como fazer em meus treinamentos.

Advertisement

3- Necessidade de aprovação: dedicar tempo para conseguir a aprovação do outro só gera desgaste, invista seu tempo para explorar quem você é e não perca tempo tentando agradar aos outros. Como disse no ítem 2, entender nossas memórias emocionais nos liberta para a vida e de nossas necessidades emocionais que geram nossos medos.

4- Pare de discutir por coisas pequenas: entrar numa discussão cujo único propósito é “vencer o outro”, só gera mal-estar e desgaste emocional. Sempre pense: “Você quer estar certo ou ser feliz?”, numa situação dessas pense qual o objetivo você quer alcançar e foque nele.

5- Pare de viver a vida do outro: quem só cuida da vida do outro acaba não tendo energia para construir sua própria vida. O único prêmio é a frustração.

Advertisement

6- Comece a se aceitar: pessoas revoltadas com a vida e consigo mesmas, que não aceitam suas vidas como elas são, que rejeitam e fazem pouco caso daquilo que têm, vivem em constante conflito e fora do eixo.

Continue Reading

Empreendedorismo by Joe Santos

Qual deve ser a Mentalidade das Lideranças na atualidade?  

Published

on

By

 

O home Office é sem dúvida uma das maiores lições.

 

Inúmeros líderes brasileiros diziam não acreditar no trabalho remoto, pensamento decorrente da falta de confiança nas equipes, assim como o controle e a vigilância.

Advertisement

 

Veja por exemplo, que o uso de ferramentas que monitoram o computador dos funcionários disparou durante a pandemia, segundo uma pesquisa divulgada pela revista Você S/A, 2.000% foi o quanto aumentaram as vendas de licença de softwares espiões em empresas especializadas em monitoramento de home office.

 

Atitudes resultantes de uma ideia ultrapassada de que funcionários só trabalham na frente de seus “chefes”.

 

Advertisement

Mas, o home office é visto como um grande benefício! 

 

Tanto que em um estudo realizado pelo International Workplace Group (IWG) em 2023  com mais de 15.000 entrevistados, 83% disseram que o trabalho remoto era fator decisivo para continuar na empresa e 85% afirmaram se sentir mais produtivos com essa flexibilidade.

 

Aqueles líderes relutantes em aceitar o que se constituía como um novo normal, só tinham uma escolha, ou mudavam ou ficavam para trás.

Advertisement

 

Em meio a tantos desafios, muitos escolheram mudar. Essa é, porém, apenas uma entre tantas mudanças de mentalidade dos líderes brasileiros, ainda em construção.

 

O mundo digital também ganhou muita força com o isolamento.

 

Advertisement

A habilidade de trabalhar, pensar e atuar conectados se tornou uma das habilidades fundamentais do futuro.

 

Gerenciar, engajar, motivar equipes, construir projetos, metas, reuniões, aulas, palestras, cursos, treinamentos, confraternizações virtuais nos mostraram que tudo pode ser realizado no mundo digital. 

 

A resistência em aceitar o modelo EAD foi “atropelado” pela velocidade com que tudo foi transformado pela pandemia.

Advertisement

 

E não podemos deixar de citar as soft skills, habilidades sócio-emocionais como empatia, escuta ativa, inteligência emocional, tão buscadas para construir uma liderança inspiradora.

 

O atual cenário ainda é de incertezas. E com a necessidade de desenvolver novos modelos de negócios se tornou ainda mais necessário profissionais com uma nova mentalidade, capazes de se adaptar e desenvolver novas competências.

 

Advertisement

Assisti ao boom das habilidades sócio-emocionais no mundo corporativo, ouvi muitos líderes falando sobre isso, mas pouquíssimos aplicando e colocando em prática.

 

O mundo não é mais o mesmo! A sua capacidade de gerir emoções, ter clareza das suas ações e comportamentos definem o seu AGORA e, consequentemente, o seu FUTURO.

 

E esse é um dos principais objetivos do artigo de hoje, mostrar a você que me acompanha aqui na Uol, a importância das habilidades sócio-emocionais em sua atuação como líder dentro ou fora do mercado corporativo

Advertisement

Continue Reading

Mais Lidas

Copyright © TimeOFFame - Todos os direitos reservados