Connect with us
Barra

Geral

Por que ainda temos tanto medo do feedback? Rodrigo Bucollo

Published

on

 

Há algumas semanas rodei em meu LINKEDIN uma pesquisa sobre o poder do feedback e seus resultados.
Não sou uma mega celebridade com milhões de seguidores, entretanto confio que tenho uma audiência fiel e engajada com o conteúdo que posto.

Nesta pesquisa eu fiz algumas perguntas sobre o poder do feedback e seus resultados.

A idéia desta pesquisa era identificar o poder que o feedback tem entre lideranças e liderados e quais os resultados obtidos a partir desse feedback se esse feedback quando bem apresentado com o bem praticado gerar resultados positivos no próximo semestre na próxima semana com uma verdadeira mudança de atitude uma verdadeira mudança de comportamento entre as pessoas que praticaram este feedback e gerando claro resultados positivos para a empresa.

Advertisement

As perguntas eram simples pois queria respostas diretas e objetivas.

Qual foi a última vez que você recebeu um feedback?

Sua empresa prática o feedback regular?

O seu líder te dá feedback construtivo ao longo do semestre e não apenas em um momento de avaliação de desempenho?

O seu se o seu líder pratica o feedback de forma clara objetiva focando sempre no comportamento nos resultados e não na pessoa?

Advertisement

E algumas perguntas também focavam na pessoa que estava trabalhando, no colaborador, no liderado …

Se o liderado também praticava o feedback construtivo com os pares e com o líder?

Se liderado sentia que tinha liberdade para dar um feedback para a empresa ao longo do seu trabalho buscando melhorias constantes?

O resultado desta pesquisa foi surpreendente.

 

Advertisement

Mais de 50% das pessoas que responderam à pesquisa disseram que não recebem feedback regular e que feedback nada mais é do que um momento semestral de avaliação de desempenho,  onde o foco é muito mais somente nas metas  atingidas ou não do que um feedback construtivo onde juntos (líder e liderado) desenham um plano individual e personalizado para que a pessoa melhorar seu desempenho e comportamento e aí sim atingisse os resultados esperados da empresa. A grande maioria das pessoas que responderam disseram que os líderes não aceitam um feedback e que para eles o liderado é quem sempre deve receber o feedback e melhorar mas não líder, pois o líder se coloca numa posição na qual ele não tem nada a aprender e somente a ensinar. E esse é o grande problema da maioria dos líderes, principalmente líderes jovens inexperientes que ao atingirem um cargo de liderança acreditam que não tem não tenho mais nada a melhorar.

 

O feedback é uma das melhores ferramentas de melhoria de uma empresa,  empresas que têm em sua cultura o feedback  garante o colaborador o direito de falar, o direito de se pronunciar e  o direito de contribuir para que os resultados aconteçam mais rápidos.  O colaborador se senta parte da empresa. Ele vivencia as melhorias da empresa.

Eu realmente não acredito em um modelo de feedback semestral onde apenas uma vez por semestre você chama um liderado seu e comenta com ele: “ olha você bateu essa meta…  você não bateu essa meta…  você fez isso ou aquilo… “
É como se o professor durante todo o semestre não olhasse para o aluno, não cuidasse do aluno e somente no final do semestre ele dissesse para o seu aluno: “Infelizmente você reprovou, você não atingiu os resultados mínimos para uma aprovação neste semestre…”

“Poxa mas eu estou aqui com você durante todo o semestre e você como meu professor não disse nada!” (diz o aluno)

Advertisement

 

O mesmo acontece então com a liderança onde durante todo o semestre apenas cobranças … cobranças …. e cobrança sobre metas e  números que claro são importantíssimos e nos direcionam para os resultados da empresa, mas que somente com essa cobrança sem um feedback pensando na melhoria deste comportamento, na melhoria dos fatos, na melhoria das atitude e das melhorias de como fazer este trabalho os números não são nada. Nós precisamos aprender a utilizarmos os números em nosso favor. Nós precisamos aprender a transformar os números que muitas vezes são frios e precisam ser frios, para termos uma possibilidade de melhoria de todos. Um momento de desenvolvimento de todos os envolvidos.

 

Se os números são frios o feedback é humano o feedback é uma possibilidade o feedback é uma ferramenta uma via de mão dupla para que todos os envolvidos toda a empresa possa melhorar e principalmente criar um ambiente de melhoria contínua.

 

Advertisement

Não precisamos de feedback a cada 6 meses,  precisamos de feedback quando necessário! O líder deve ter essa percepção humana com base muitas vezes em dados para aqui focar na melhoria de todos,  o feedback deve acontecer sempre que necessário .

 

Minha dica aqui para vocês meus amigos é:

Aprendam a dar feedback!

Treinem feedback.

Advertisement

E principalmente tenham empatia ao ouvir o feedback de todos, seja do seu colaborador, seja do seu líder, seja da empresa ou seja do seu cliente.

 

Que tal me dar um feedback sobre esta coluna?

 

Um forte abraço

Advertisement

Rodrigo Bucollo

Geral

  Uma Viagem Memorável a Canindé de São Francisco

Published

on

By

Descobertas e Encantamento

 

Entre os dias 11 e 12 de maio de 2024, um grupo de jornalistas teve a oportunidade de explorar alguns dos pontos turísticos mais impressionantes e significativos de Canindé de São Francisco. A seguir, destacam-se os momentos mais marcantes dessa jornada inesquecível.

 

Advertisement

Cânion de Xingó: Um Espetáculo da Natureza

A visita ao Cânion de Xingó foi uma experiência verdadeiramente memorável. Com suas vistas deslumbrantes e uma conexão profunda com a natureza, este magnífico local deixou uma marca indelével em todos os presentes. A beleza e a grandiosidade do cânion são incomparáveis, fazendo dele um destino imperdível para quem visita à região.

 

Rota do Cangaço: Um Mergulho na História

O passeio pela Rota do Cangaço permitiu ao grupo mergulhar na cultura local e reviver importantes momentos do cangaço brasileiro. Através das narrativas e dos locais visitados, os jornalistas entenderam melhor a rica história e as tradições da região. Esta experiência histórica foi enriquecedora e ofereceu uma nova perspectiva sobre a vida e as lutas dos cangaceiros.

Advertisement

 

Passeio de Catamarã: A Beleza do Rio São Francisco

Navegar pelas águas do Rio São Francisco em um catamarã foi uma experiência única. Este passeio ofereceu uma perspectiva diferenciada das belezas naturais de Canindé de São Francisco, complementando a experiência com momentos de relaxamento e contemplação. A tranquilidade das águas e a paisagem ao redor tornaram este passeio inesquecível.

 

Hospedagem no Xingó Parque Resort Hotel: Conforto e Hospitalidade

Advertisement

A estadia no Xingó Parque Resort Hotel foi marcada pelo conforto, qualidade do serviço e hospitalidade excepcional. Agradecimentos profundos foram direcionados à Senhora Kátia Pimentel Gadelha, proprietária do empreendimento e também Diretora de Turismo de Canindé de São Francisco, pela hospedagem impecável. Sua dedicação à promoção do turismo local é verdadeiramente inspiradora e foi crucial para o sucesso da estadia dos jornalistas.

 

Receptivo pela FAROL TUR: Acolhimento e Profissionalismo

O profissionalismo e a simpatia do Senhor Erivaldo, da FAROL TUR, foram fundamentais para que todos se sentissem bem acolhidos e confortáveis durante toda a visita. O suporte constante e a atenção aos detalhes fizeram toda a diferença na experiência dos visitantes.

 

Advertisement

Passeios de Catamarã Cânion de Xingó e Lancha para Rota do Cangaço com a Operadora MFTUR: Exploração e Aventura

Com a operadora MFTUR, o grupo teve a opção de parar no Ecoparque, o que enriqueceu ainda mais a experiência. Esta parada oferece diferentesperspectivas e oportunidades de exploração, tornando o passeio ainda mais fascinante.

 

Gastronomia Local: Almoço com a Chef Lalá

A culinária local, apresentada pela Chef Lalá no Restaurante Caçuá e na Bodega da Chica, foi um destaque à parte. Os sabores autênticos e a hospitalidade dos estabelecimentos transformaram cada refeição em uma verdadeira celebração da gastronomia regional.

Advertisement

 

Noite na Roça: Encanto e Autenticidade

A experiência de passar uma noite na roça, na casa da Dona Bella, foi encantadora. A autenticidade e o calor humano encontrados ali foram incomparáveis, proporcionando uma conexão profunda com a cultura local. Esta noite será lembrada por sua simplicidade e acolhimento caloroso.

 

ORLA DE CANINDÉ: Almoço e Embarque para Rota do Cangaço

Advertisement

A visita à Orla de Canindé foi igualmente marcante, com um delicioso almoço seguido pelo embarque para a Rota do Cangaço. Este complemento final à experiência destacou ainda mais a diversidade e a riqueza das atrações locais.

A viagem a Canindé de São Francisco revelou-se uma experiência enriquecedora e inesquecível. A hospitalidade e a dedicação de todos foram fundamentais para o sucesso da visita, proporcionando momentos de descoberta, aprendizado e encantamento. Canindé de São Francisco mostrou-se um destino imperdível, repleto de belezas naturais, história rica e uma cultura vibrante que certamente conquistou todos os presentes.

 

Advertisement
Continue Reading

Geral

Especialista em enxoval Melissa Biscoto, dá dicas do que o casal deve levar em conta na hora de comprar o carrinho

Published

on

By

CEO da Mel Shopper, ensina a escolher o carrinho de bebê ideal é uma tarefa emocionante, mas também pode ser desafiadora devido à infinidade de opções disponíveis no mercado. Para garantir que você faça a melhor escolha, Melissa Biscoto, CEO da Mel Shopper, oferece destacou os fatores essenciais que devemos levar em conta na hora de escolher o item

Praticidade
A praticidade é um dos principais fatores a considerar ao escolher um carrinho de bebê. Opte por modelos que sejam fáceis de montar e desmontar, leves para transportar e que ocupem pouco espaço quando fechados. Carrinhos com sistema de fechamento com uma mão são extremamente convenientes, especialmente para pais que estão sempre em movimento.

Conforto
O conforto do bebê é fundamental. Verifique se o carrinho possui um assento bem acolchoado, com ajuste de reclinação para diferentes posições, especialmente se o bebê ainda for pequeno e precisar dormir durante os passeios. Um bom sistema de suspensão também é importante para garantir um passeio suave, mesmo em terrenos irregulares.

Orçamento
Definir um orçamento é crucial antes de começar a procurar pelo carrinho ideal. Há opções para todos os bolsos, desde modelos mais acessíveis até os mais luxuosos. Lembre-se de que é possível encontrar carrinhos que oferecem excelente custo-benefício, equilibrando qualidade e preço.

Advertisement

Estilo de Vida da Família
O estilo de vida da família deve influenciar a escolha do carrinho. Para famílias que vivem em áreas urbanas e utilizam transporte público com frequência, um carrinho compacto e leve é uma excelente escolha. Para aquelas que gostam de atividades ao ar livre ou que vivem em áreas rurais, um modelo robusto com boas rodas pode ser mais adequado.

Tamanho do Porta-Malas
Antes de finalizar a compra, certifique-se de que o carrinho cabe no porta-malas do seu carro. Alguns modelos são volumosos e podem não se adequar a porta-malas menores. Fazer um teste de encaixe pode evitar futuras frustrações.

Espaço em Casa
Se o espaço em casa é limitado, escolha um carrinho compacto e fácil de armazenar. Modelos que dobram de forma prática são ideais para quem vive em apartamentos ou casas com espaço reduzido.

Uso de Bebê Conforto
Muitos carrinhos são compatíveis com bebês conforto, permitindo que você mova o bebê do carro para o carrinho sem acordá-lo. Verifique se o modelo que você está considerando oferece essa compatibilidade, pois pode ser um grande diferencial no dia a dia.

Proteção UV
Para proteger seu bebê dos raios solares, escolha um carrinho com uma capota extensível que ofereça proteção UV. Esse recurso é essencial para passeios em dias ensolarados, garantindo que o bebê esteja protegido e confortável.

Advertisement

Segurança
A segurança do bebê deve ser a prioridade número um. Procure por carrinhos com cinto de segurança de cinco pontos, travas nas rodas traseiras e certificações de segurança. Esses itens garantem que seu bebê estará sempre protegido durante os passeios.

Ela deu ainda mais 3 dicas importantes

Peso do Carrinho: Carrinhos mais leves são mais fáceis de manusear, especialmente se você precisa subir e descer escadas frequentemente.

Armazenamento: Carrinhos com cestos de armazenamento são práticos para carregar bolsas, brinquedos e outros itens essenciais.

Acessórios: Alguns carrinhos vêm com acessórios adicionais, como porta-copos, bandejas para alimentos e capas de chuva. Esses extras podem ser bastante úteis.

Advertisement

Simplifique sua Escolha com a Mel Shopper
Na Mel Shopper, entendemos que escolher o carrinho ideal pode ser uma tarefa desafiadora. Por isso, oferecemos uma consultoria personalizada para ajudá-lo a encontrar o carrinho perfeito que atenda todas as suas necessidades e expectativas. Nosso site dispõe de uma ampla variedade de modelos e marcas, facilitando a comparação e a escolha.

Deixe a Mel Shopper tornar essa missão mais fácil e agradável. Confie na nossa expertise para fazer a melhor escolha para você e seu bebê.

Visite nosso site e agende sua consultoria: www.melshopper.com.br

Advertisement
Continue Reading

Geral

Força Invisível: Caio Bastos opina como mães solo moldam o futuro com coragem e determinação

Published

on

By

advogado especialista em Direito da Família diz que o aumento do número de mães solo no Brasil reflete transformações significativas nas dinâmicas familiares

Um levantamento realizado pelo Ibre-FGV (Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas) apontou que até o final de 2022 havia mais de 11 milhões de mães solo no Brasil. A pesquisa também mostra o aumento de 1,7 milhão de mães que criam seus filhos de forma independente no período de 2012 a 2022, passando de 9,6 milhões para 11,3 milhões.

De acordo com o advogado especialista em Direito da Família, o aumento do número de mães solo no Brasil reflete transformações significativas nas dinâmicas familiares. “Além de enfrentarem desafios como estigmas sociais e dificuldades financeiras, essas mulheres mostram uma resiliência notável, adaptando-se e crescendo a partir de suas circunstâncias”, diz.

Ele afirma que muitas mães solo não têm um emprego formal e lutam diariamente para sustentar suas famílias através de trabalhos informais ou com o apoio de amigos e programas de assistência. “Essa instabilidade financeira destaca a importância de uma rede de suporte confiável que inclui familiares, amigos e grupos de apoio comunitário, fundamentais para o bem-estar emocional e prático delas e de seus filhos”, reflete.

Advertisement

Caio diz que outro desafio significativo enfrentado por essas mães é a luta por uma pensão alimentícia justa. “Muitas vezes, o abandono por parte do outro genitor não se limita apenas à ausência física, mas também à falta de suporte financeiro, forçando essas mães a buscar o judiciário para garantir o sustento dos filhos. Nesse contexto, a ajuda de um advogado especializado em direito de família se torna crucial. Um profissional qualificado pode orientar e representar essas mães em ações judiciais, garantindo que os direitos dos filhos à alimentação, educação e saúde sejam respeitados”.

Ele opina que as histórias de superação de mães solo que, apesar dos obstáculos, conseguem criar ambientes amorosos e seguros para seus filhos são inspiradoras. “Esses relatos não apenas mostram a capacidade dessas mulheres de enfrentar adversidades, mas também a importância de políticas e apoios sociais que fortaleçam suas redes de suporte”, acredita.

“Adicionalmente, a autonomia e o empoderamento são essenciais para que essas mães possam superar os estereótipos e as dificuldades sociais. Programas de capacitação e educação continuada podem abrir novos caminhos profissionais e pessoais para elas, promovendo não apenas a independência financeira, mas também o desenvolvimento pessoal’, completa.

O advogado aponta que é fundamental que a sociedade reconheça e valorize a força e independência dessas mães. “Apoiá-las significa fortalecer toda a comunidade, garantindo que elas e seus filhos não apenas sobrevivam, mas prosperem em suas jornadas”.

Advertisement
Continue Reading

Mais Lidas

Copyright © TimeOFFame - Todos os direitos reservados